Notícias


Publicado em:
24
9/2018

Livro sobre produção orgânica tem lançamento no Rio de Janeiro

“Orgânicos: Marcos, Desafios e Comunicação”, de Luciana Juhas, detalha os bastidores e os fatos históricos que colocaram o mercado orgânico em alta no Brasil.



Metatags: Luciana Juhas, Orgânico, In Natura, Livro, Rio de Janeiro, Lançamento

Especialista na área de orgânicos e produtos sustentáveis, a jornalista Luciana Juhas lança no dia 24 de setembro, no Rio de Janeiro, o livro “Orgânicos: Marcos, Desafios e Comunicação”.

A obra detalha os bastidores e os fatos históricos que tornaram a produção de alimentos orgânicos em alta no Brasil. Segundo a autora, a publicação reforça o atual embate de ambientalistas e grupos de agricultores e consumidores contra as leis que podem flexibilizar a venda de agrotóxicos no mercado brasileiro.

O mercado de orgânicos cresce a taxas superiores a 10% ao ano. O livro mostra quem foram os pioneiros do setor, e destaca o papel da comunicação, essencial, de acordo com Juhas, para que o mercado progredisse.

Com prefácio do ambientalista Fábio Feldmann, “Orgânicos: Marcos, Desafios e Comunicação” é organizado em torno de uma série de depoimentos e entrevistas exclusivas com os principais protagonistas do mercado, como a do ex-ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Roberto Rodrigues; de José Pedro Santiago, primeiro presidente da Câmara Setorial de Agricultura Orgânica; e Rogério Dias, funcionário de carreira do Mapa na época e seu coordenador de Agroecologia até 2017.

A publicação relata o processo de regulamentação do mercado e as normas que foram implantadas no Brasil, como afirma Ming Liu, diretor-executivo do Projeto Organics Brasil, o programa de promoção internacional de produtos orgânicos e sustentáveis fomentado pela Apex/Brasil - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos.

Foi esse movimento de organização que atraiu novos e grandes investidores, e o Brasil começou a ter um leque mais robusto de produtos orgânicos e sustentáveis processados e industrializados. O livro mostra que, durante esse processo, o mercado se transformava, saindo do âmbito apenas dos produtos in natura para ganhar as prateleiras de importantes redes varejistas, em “um portfólio que não para de crescer”, como diz a autora.

O livro também traz entrevista exclusiva com Alexandre Harkaly, um dos fundadores e diretor-executivo da maior certificadora de orgânicos do Brasil, o IBD Certificações, e Hélio da Silva, executivo da Native, primeira empresa brasileira a produzir açúcar orgânico e hoje maior produtora mundial de álcool e açúcar orgânicos.

Juhas faz também, em sua obra, um exercício das perspectivas do setor, como os gargalos na produção, a questão do preço maior dos orgânicos quando comparados aos da agricultura convencional e a baixa disponibilidade de insumos e produtos à base de cultura biológica, como biofertilizantes e sementes.

“Nosso objetivo é fortalecer o debate em favor da produção orgânica e sustentável e disseminar os benefícios que ela traz para toda a sociedade e o meio ambiente”, resume a autora.

Fonte: Primeira Página, com matéria publicada no jornal O Globo


Últimas notícias

Cinco dicas do Sebrae para quem quer abrir um e-commerce

Plano de negócio é o primeiro passo para os interessados.
Leia Mais

Natal deve movimentar R$ 53,5 bi na economia

Dados da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e do Serviço de Proteção ao Crédito apontam que mais de 110 milhões de consumidores devem ir às compras e investir, em média, R$ 116 por produto.
Leia Mais

BNDES investe R$ 10 milhões para geradora de energia a partir do lixo

Planta piloto de tratamento e aproveitamento energético do lixo orgânico foi inaugurada na Estação de Transbordo da Companhia Municipal de Limpeza Urbana no Rio de Janeiro.
Leia Mais