Notícias


Publicado em:
1
11/2018

Ser vegano vai muito além da alimentação

Estilo de vida compreende mudanças no perfil de consumo que passam por vestuário, calçados, decoração e cosméticos.



Metatags: Souvie, Cosméticos naturais, Saúde, Beleza, Veganismo, Cruelty free

Estima-se que a população brasileira é formada em 14% por vegetarianos e que já tenha cerca de 7 milhões de veganos, com incremento de 2 mil novos veganos por semana, no País. Os números divulgados pelo IBOPE, em abril deste ano, e pela Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB), em 2017, impactam não só a população, mas o mercado de consumo em geral.

O veganismo compreende uma mudança no estilo de vida, com a adoção de novos hábitos de consumo de vestuário, calçados, itens de decoração, entre outros, incluindo também os de cosméticos. Nenhum dos artigos usados pode ter origem animal em sua composição, desenvolvimento ou testes de performance e eficácia.

"Muitas pessoas que se identificam com o vegetarianismo começam a mudança pela alimentação, algumas passam a ser veganas no decorrer do tempo e a adotar, até mesmo, um cardápio crudívoro e frugívero”, explica Caroline Villar, sócia-fundadora da Souvie, empresa brasileira de cosméticos orgânicos e veganos certificados pela Ecocert Greenlife e pela SVB.

“Mas essa transformação acaba por envolver tudo relacionado ao consumo e ao descarte de produtos. Seja a busca por artigos cruelty free, a substituição do couro em roupas ou itens de decoração por materiais sintéticos de origem confiável, incluindo o uso de itens de maquiagens e skincare", continua.

Pensando nesse percurso e também partindo de sua filosofia como empresa, a Souvie tem se dedicado a desenvolver cosméticos veganos. Hoje, grande parte de seu portfólio corresponde a produtos veganos, além de orgânicos certificados também.

Itens como shampoo, condicionador, creme esfoliante facial, séruns, cremes e mousses de banho, de suas três linhas – SER+, Gestante e Recém-Nascido –, não contêm nenhum ingrediente de origem animal, além de não serem testados em animais.

"Pensamos no ciclo de vida do produto de forma integrada: 99,77% do total da composição dos nossos produtos são de origem natural e 50% do total dos ingredientes, provenientes da agricultura orgânica”, destaca Caroline. Segundo ela, todas as embalagens da Souvie usam a menor quantidade de plástico possível e não fazem nenhum tipo de teste em animais. “São detalhes importantes como esses que fazem a diferença para as pessoas que optam por essa transformação de estilo de vida".

Fonte: Primeira PágPortal A Rede via Assessoria de Imprensa da Souvie


Últimas notícias

ONG cria projeto de hortas orgânicas

É Com Amor conta com 300 participantes, que já plantaram 23 hortas orgânicas em praças, escolas e centros de atendimento social.
Leia Mais

Dicas para obter sucesso no comércio online na Black Friday

É importante entender que o consumidor busca uma experiência personalizada, que abrange conteúdo e interações nos canais de comunicação do varejo.
Leia Mais

Cultivo de algodão agroecológico volta a ser incentivado no semiárido brasileiro

ONG Diaconia e Instituto C&A trabalham em conjunto com organizações locais para o desenvolvimento da produção
Leia Mais