Mercado

Triplica o número de cearenses no Cadastro de Produtores Orgânicos

Hoje já são mais de 370 produtores em todo o Estado.

 

Nos últimos 7 anos a produção orgânica no Ceará vem crescendo e segue uma tendência nacional de ampliação no número de produtores inscritos no Cadastro Nacional de Produtores Orgânicos.

Até setembro de 2019, o Estado registrou um número três vezes maior do que o total de produtores cadastrados em 2013, quando foram contabilizados 200 produtores.

Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o Ceará possui, hoje, 616 produtores orgânicos registrados. Além desses, a estimativa é que existam mais de 370 em todo o Estado, espalhados principalmente no Sertão Central, na região da Paraipaba, Paracuru e Região do Cariri.

Hoje, as principais produções agrícolas se concentram na Serra da Ibiapaba (frutas e hortaliças), no Maciço de Baturité (algodão e mel) e no Cariri (mel).

 

Leia também:  Itália ganha manifesto de incentivo a agricultura orgânica

 

Leia também: Santa Catarina tem o melhor mel do mundo

 

Fonte: Primeira Página com informações do Diário do Nordeste.

Redes Sociais